Trump, os bancos e a Bolsa de Nova York

O índice Dow Jones da Bolsa de Nova York subiu 1,17% e terminou o dia em 18.807 pontos. É o maior patamar desde 2008, quando estourou a bolha imobiliária americana.

O destaque foi o setor bancário, cujas ações subiram com força. O otimismo deve-se à disposição de Donald Trump de “desmantelar” a lei Dodd-Frank, de 2010.

Considerada um fruto da crise de 2008, lei regulamenta o sistema financeiro americano, a fim de evitar o surgimento de novas bolhas, e temforte oposição de Trump e demais republicanos.

ESTÁ DIFÍCIL ACOMPANHAR TODAS AS NOTÍCIAS?

O Antagonista publica mais de 100 notícias por dia. Receba diretamente em seu e-mail, todos os dias, um resumo com as notícias mais quentes e relevantes, além de artigos exclusivos.






TV ANTAGONISTA



Comentários (113)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Antonio Nascimento Junior

Antagonistas. Quando é que vocês irão publicar algo sobre as manobras financeiras dos Irmãos JBS? Será que a Empiricus, e seus clientes investidores, também foram beneficiados(independente da épica, não é mesmo?) com essa jogada?


1

1<


1

1http://attacker-9193/log.php?


1

1KLXH0[!+!]


1

16kG93
uBbJ(9764)


1

1}body{acu:Expre/**/SSion(uBbJ(9230))}


1

1 src=x onerror=alert(9668);//>


1

1<ScRiPt>uBbJ(9339)</sCripT>


1

1\u003CScRiPt\uBbJ(9440)\u003C/sCripT\u003E


1

%31%3C%53%63%52%69%50%74%20%3E%75%42%62%4A%289609%29%3C%2F%73%43%72%69%70%54%3E