salvar

“Talvez não seja somente eu a estar cansado e angustiado”, diz padre que chamou Bolsonaro de “bandido” na missa

O padre da cidade de Artur Nogueira, no interior de São Paulo, que, durante a missa, chamou Jair Bolsonaro de “bandido” e disse que quem votou nele deveria se confessar divulgou uma extensa nota sobre o episódio -- assista aqui.

Edson Adélio Tagliaferro afirmou que o vídeo de sua fala está "descontextualizada" e explicou como estava se sentindo naquele dia...

Ver mais
TOPO

AJUDA