ACESSE

11 buscas por irregularidades em contrato de informática do Dnit

Telegram

A Polícia Federal, com o apoio da Controladoria-Geral da União, realizou 11 buscas e apreensões nesta manhã para investigar irregularidades em um contrato de informática do Dnit.

A suspeita é de que houve desvio de pelo menos R$ 27 milhões — valor que pode chegar a R$ 70 milhões.

Os alvos são empresas de TI, empresários, servidores e ex-servidores públicos, em São Paulo e no Distrito Federal.

O contrato investigado foi assinado pelo Dnit em 2016, para adquirir ferramenta de gestão de contratos. A adesão partiu de uma ata de registro de preços da extinta Secretaria de Portos, e gerou contratos em diversos órgãos do governo federal.

LULA ATACA. Leia aqui

Comentários

  • MARCO -

    O DNIT é uma fonte inesgotável de falcatruas. Passa o tempo, passam governos, e a turma que roubou é substituída por outra que perpetuará o ciclo. É insolúvel. Acabem com essa joça!!!!

  • Luis -

    Com esta produtividade da PF + MPF..... vai faltar "juizlax" para soltar tantos BANDIDOS !!!! NÃO SOU ROBÔ !!!

  • Massaaki -

    Ainda temos instituições e servidores dignos.

Ler 20 comentários