"2021 será uma eternidade"

“2021 será uma eternidade”
Foto: Arquivo Secom-ES

“Este ano de 2021 será uma eternidade”, conta o ex-governador Paulo Hartung em entrevista exclusiva à Crusoé desta semana.

Conselheiro de pesos-pesados do PIB nacional e mentor de Luciano Huck, Hartung afirma que o Brasil atravessa hoje um momento de “paralisia e de não decisão”.

“Ou se lidera o país em uma direção conversando com a sociedade, ou nós vamos viver um 2021 de desorganização crescente. Os sinais já estão em cima da mesa: juros futuros subiram, endividamento encurtou, o câmbio chegou a um ponto estonteante, com a moeda mais desvalorizada do mundo, a inflação de alimentos já começa a contaminar outros setores. Se esperar, na inércia, o teto vai cair em cima de todos nós”, diz Hartung.

LEIA AQUI a entrevista completa na Crusoé desta semana.

Leia mais: Enquanto dezenas de países do mundo já iniciaram a vacinação contra a Covid-19, o Brasil patina entre duas vacinas.
Mais notícias
TOPO