26 milhões de reais

Na denúncia contra Fernando Collor, o procurador-geral informa que ele recebeu 26 milhões de reais, entre 2010 e 2014.

É mais do que se imaginava.