3 x 2 - Cármen Lúcia muda voto e declara Moro suspeito no triplex

3 x 2 – Cármen Lúcia muda voto e declara Moro suspeito no triplex
Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF

Cármen Lúcia acaba de mudar sua posição sobre a suspeição de Sergio Moro no processo do triplex, acolhendo os argumentos da defesa de Lula.

Elencou uma série de fatos que a levaram a concluir que houve “quebra da imparcialidade” do ex-juiz.

Citou a condução coercitiva sem prévia oitiva de Lula; interceptação telefônica “ao arrepio da lei” antes de adotar outras medidas; divulgação seletiva de áudio da interceptação; e levantamento do sigilo da delação de Antonio Palocci antes da eleição de 2018.

“Houve parcialidade no julgamento”, disse a ministra.

Em 2018, ela havia rejeitado a ação de Lula contra Moro.

Leia mais: Enquanto Brasília faz tudo errado, a Crusoé continuará fazendo o certo: fiscalizando o poder.
Mais notícias
Mais lidas
  1. Capitão Adriano executado?

  2. Bolsonaro não é normal

  3. O motim de Bia Kicis

  4. A terceira via de Lula

  5. Moro: "Não me arrependo de nada"

Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 591 comentários
TOPO