6 a 5 contra Palocci (ou 7 a 4)

O placar da Folha de S. Paulo é semelhante ao do Estadão.

Diz o jornal:

“A decisão a favor ou contra conceder habeas corpus ao petista Antonio Palocci deve ser ficar em 6 a 5 ou 7 a 4.

Hoje, a aposta é de que a maioria seja contra a liberdade do ex-ministro.

Integrante da Primeira Turma, os ministros Luiz Fux, Luís Roberto Barroso e Rosa Weber têm se mostrado rigorosos em questões penais, assim como a presidente da corte, Cármen Lúcia. Sendo assim, seguiriam Fachin contra Palocci.

Os votos de Alexandre de Moraes e Celso de Mello são considerados incógnitas.

Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski se mostraram a favor da concessão de liberdade provisória e devem manter essa posição em plenário.

Marco Aurélio tem defendido que o réu responda em liberdade até o trânsito em julgado da ação”.

Mais notícias
TOPO