7 a 0 contra a censura ao humor

O STF já formou maioria contra o dispositivo da Lei Eleitoral que proíbe o uso de “trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo que, de alguma forma, degradem ou ridicularizem candidato, partido e coligação”.

Com os votos de Luiz Fux e Ricardo Lewandowski, o placar está em 7 a 0 contra a censura ao humor.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Para falar de Brasil, e particularmente de política, mesmo ao tentar fazer um comentário seríssimo , a gente acaba fazendo mesmo é uma piada…
    É “nóis” na fita … !!!

Ler mais 8 comentários
  1. Para falar de Brasil, e particularmente de política, mesmo ao tentar fazer um comentário seríssimo , a gente acaba fazendo mesmo é uma piada…
    É “nóis” na fita … !!!

  2. Concordo com o humor, as charges, etc, contanto que não vinculem os políticos ou apoiadores desses a atentados, crimes, fatos polêmicos, como já fizeram com Jair Bolsonaro e tiveram que indenizá-lo. Malharam a imagem de Trump, nos EUA. Ele pegava as piadas da esquerda, e devolvia em dose dupla.