8 a 1 a favor das delações da PF

No STF, com nove votos já dados, o placar está 8 a 1 para permitir que a Polícia Federal assine acordos de delação. Só Edson Fachin votou contra.

Marco Aurélio Mello, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes votaram pela total liberdade para a PF celebrar os acordos.

Os outros seis ministros que votaram defenderam, em diferentes níveis, concessão de poder ao MP nas negociações da polícia.

Comentários

  • Imprensa -

    Tem treta aí. STF atual é incapaz de tomar boas decisões.

  • QWERTY -

    Se os três patetas do STF votaram pela liberdade total da PF, aí tem coisa. É melhor deixar que a PGR participe pelo menos da dosimetria da pena.

  • alice -

    se não aceitaram a delação contra a amante pra que mais delação?????

Ler 18 comentários