A agenda do Italiano

A secretária de Antonio Palocci entregou para a Lava Jato a agenda de seu chefe.

Ela corrobora todos os relatos do Italiano.

O relatório preparado na semana passada pelo delegado Filipe Hille Pace (e reproduzido pelo Estadão) assinala, por exemplo, o encontro de Antonio Palocci com Marcelo Odebrecht e Roberto Teixeira em 3 de setembro de 2010.

Cinco dias mais tarde, os operadores do departamento de propinas da Odebrecht trocaram mensagens sobre a compra do prédio do Instituto Lula, por 12 milhões de reais, pagos clandestinamente pela empreiteira:

“Prezados Bira/Hilberto, favor programar os pagamentos conforme cronograma abaixo: Data: 23/09/2010, valor: R$ 1.057.920, data: 30/09/2010, valor: R$ 1.057.920, data: 07/10/2010, valor: R$ 1.057.920. Projeto Institucional SP.”

A juíza Gabriela Hardt está pronta para sentenciar Lula e Roberto Teixeira nesse caso.

Colapso na Venezuela... E o PT ainda apoia Maduro. Confira agora

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 16 comentários
  1. Quando começrão as prisões da Delação? Inaugura no Brasil a rede www.direitasemcensura.com, que garante que a sua página nunca será excluída, e que as suas opiniões não são censuradas, e em

  2. É inacreditável como o Brasil passou 14 anos dormindo, enquanto quadrilhas assaltavam o país. E pior, ainda hoje há quem esteja em sono profundo, hipnotizado pelo encantador de asnos.