Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A ausência de Doria

A ausência de Doria
Foto: Governo do Estado de São Paulo

João Doria não participou da entrevista coletiva desta terça-feira no Palácio dos Bandeirantes.

Segundo o governo de São Paulo, as terças e quintas são reservadas para a equipe de saúde. O tucano marca presença nas coletivas às segundas, quartas e sextas-feiras.

Como noticiamos, o estado bateu novamente o recorde diário de mortes e de casos confirmados de Covid-19 nas últimas 24 horas — e Doria não estava lá para responder aos jornalistas.

Nos dias 2 e 9 de junho (duas terças-feiras), quando São Paulo bateu recordes anteriores, Doria também não compareceu.

No dia 10 (quarta-feira da semana passada), data do recorde diário de mortos que durou até hoje, Doria conversou com a imprensa.

Seria bom o próprio governador prestar esclarecimentos nos dias em que eles são mais necessários — quando o número de mortos bate recorde, por exemplo –, e não fixar datas ou falar apenas quando anuncia parceria com laboratório chinês para a produção de uma vacina para a Covid-19.

A propósito: o anúncio da parceria com a China pela vacina foi feito no dia 11 de junho, uma quinta-feira. Na ocasião, Doria quebrou o protocolo e participou da coletiva com a equipe de saúde.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO