A Bíblia não tem nada a ver com seus problemas, Lula

Durante o discurso em que tentou denegrir a Lava Jato hoje à tarde, Lula foi infeliz ao se referir ao procurador Deltan Dallagnol.

Além de dizer que Dallagnol é um “moleque”, também afirmou que o procurador “acha que sentar em cima da Bíblia dá solução para tudo”.

Com esse discurso, Lula corre o risco de ser taxado de preconceituoso. Aliás, de preconceito duplo, ao tentar descredenciar Dallagnol por ser jovem (tem 37 anos) e por ser protestante (é membro de uma igreja Batista).

Lula não deve saber, mas Martin Luther King também era Batista.

Faça o primeiro comentário