A Biden, "soberania inegociável"; a Gore, "temos muitas riquezas"

A Biden, “soberania inegociável”; a Gore, “temos muitas riquezas”
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente Bolsonaro foi ao Facebook criticar uma proposta de Joe Biden sobre a Amazônia. No debate de ontem à noite, o candidato democrata cogitou oferecer, em parceria com outros países, US$ 20 bilhões ao Brasil para o combate ao desmatamento.

Na manhã desta quarta-feira (30), Bolsonaro publicou: “O que alguns ainda não entenderam é que o Brasil mudou. Hoje, seu Presidente, diferentemente da esquerda, não mais aceita subornos, criminosas demarcações ou infundadas ameaças. NOSSA SOBERANIA É INEGOCIÁVEL”.

Bolsonaro acrescentou: “Cooperação dos EUA é bem-vinda, inclusive para projetos de investimento sustentável que criem emprego digno para a população amazônica, tal como tenho conversado com o Presidente Trump”.

Bolsonaro teve postura bem diferente com o ex-vice-presidente Al Gore, também do partido democrata.

“A Amazônia não pode ser esquecida”, disse Bolsonaro a Gore em Davos, no Fórum Econômico Mundial de 2019. “Temos muitas riquezas. E gostaria muito de explorá-la junto com os Estados Unidos”.

Leia mais: A PF no rastro do 'gabinete do ódio'
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 66 comentários
TOPO