A boa compra de Carluxo

Um dos três imóveis comprados por Carluxo foi adquirido por preço 70% abaixo do avaliado pela Prefeitura, informa o Estadão.

O apartamento em um apart-hotel de Copacabana custou ao vereador R$ 70 mil, quando tinha valor venal de R$ 236 mil.

A prática, que não é ilegal, costuma despertar suspeitas. É considerada, por órgãos de controle, uma forma conhecida de lavagem de dinheiro, lembra o jornal.

O negócio foi fechado em março de 2009. A reportagem acrescenta que “a escritura foi obtida no mesmo cartório em que estava o documento do imóvel de R$ 150 mil comprado por Carlos em dinheiro vivo quando tinha 20 anos”.

Leia mais: Combo O Antagonista e Crusoé: comece a ler por apenas R$ 1,90/mês
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 47 comentários
TOPO