ACESSE

A bomba no compartimento de carga

Telegram

A pandemia de Covid-19 não justifica alterações no teto de gastos, diz O Globo, em editorial:

“Não dá para atribuir ao teto a responsabilidade pelas dificuldades. Equivale a pôr a culpa no sistema de estabilização de um avião porque uma bomba explodiu no compartimento de carga.

Qualquer flexibilização do teto deveria suceder a reformas capazes de reduzir as despesas obrigatórias. Em vez disso, o governo prefere aumentar receitas. Encaminhou ao Congresso uma reforma que amplia a carga tributária e prevê reinstituir um imposto sobre transações financeiras, nos moldes da extinta CPMF.”

Leia mais: Sócios no desastre: a responsabilidade dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais

Comentários

  • Carmen -

    PG é mais do mesmo!!!

  • Cris -

    Este governo me faz lembrar muito Delfim Neto.

  • Dirceu -

    Xô CPMF!!! Xô Imposto Ipiranga!!!

Ler 42 comentários