A CHANTAGEM DOS ESTADOS

Os governadores do Norte, Nordeste e Centro-Oeste informam, em carta, que não vão decretar estado de calamidade antes de ouvirem o que Michel Temer tem a dizer. O presidente retorna ainda hoje de Nova York.

“Sabemos que a verdadeira saída é a retomada do crescimento, gerando emprego e renda. E temos consciência da gravidade do impacto da decretação de calamidade por vários estados brasileiros ao mesmo tempo, inclusive podendo afetar a meta principal que é estabilizar a queda na economia e na criação de um ambiente melhor para os investidores.”

Os governadores dizem apostar na “sensibilidade” de Temer.

Faça o primeiro comentário