A corrupção é pior do que se imaginava

Igor Romário de Paula, um dos chefes da operação Lava Jato, também na comissão das 10 medidas contra a corrupção na Câmara:

“A corrupção tem uma dimensão e um porte que não se imaginava. É preciso, sim, agir de forma mais firme e que se dê mais mecanismos eficientes para se trabalhar.”