Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"A CPI tem uma condição intimidatória", diz Renan

Relator da CPI criticou Marcelo Queiroga por não se opor a declarações e medidas determinadas por Jair Bolsonaro
“A CPI tem uma condição intimidatória”, diz Renan
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Na entrevista à imprensa em que anunciou os 14 alvos da CPI da Covid, Renan Calheiros (MDB-AL) disse que Marcelo Queiroga “infelizmente precisa ser investigado para que entenda que precisa parar com essas loucuras”.

“A comissão parlamentar de inquérito ela tem uma condição intimidatória, é criada também para dissuadir determinadas práticas nocivas e irresponsáveis, como a do ministro Queiroz [sic]… Estou confundindo porque estou citando o outro lá que não chegou a ser ministro…”, disse, corrigindo-se.

O relator da CPI condenou a falta de atitude do ministro da Saúde contra declarações e determinações de Jair Bolsonaro, em favor do não uso de máscaras, por exemplo.

“Nós não podemos concordar com isso”, disse.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO