A defesa da Lava Jato

De todas as mensagens roubadas da Lava Jato, só uma pode ser interpretada como uma espécie de aconselhamento de Sergio Moro a Deltan Dallagnol: aquela em que o juiz indica uma testemunha disposta a falar sobre os imóveis do filho de Lula.

Segundo Merval Pereira, porém, que conversou com fontes ligadas aos procuradores de Curitiba, “foi uma maneira informal de oficiar ao Ministério Público a ocorrência de um possível crime que precisava ser apurado.

Qualquer pessoa, sobretudo um servidor público, que se depara com algo criminoso, tem o dever legal de encaminhar a denúncia ao Ministério Público. Não se sabe se Moro formalizou o ofício depois, ou achou suficiente essa comunicação através de mensagem de celular”.

E mais:

“As mesmas fontes alegam que, quando Moro escreveu ‘melhor formalizar, então’, estava advertindo Dallagnol de que ele teria que oficializar” a intimação da testemunha, incluindo seu ofício aos procuradores.

Comentários

  • luiz -

    Perfeitamente legal.

  • Ronaldo -

    Todos os corruptos, ladrões, traficantes, assassinos e outros fora-da-lei, querem acabar com a Lava Jato. Não conseguirão, pois, o povo em sua maioria esmagadora, apoia Sérgio Moro. E fim de pa

  • Christiane -

    ANTA gonista, parem de passar pano. Ainda tem mensagens que o ra ker vai soltar kkkkkkk

Ler 106 comentários