A degola de Renan

Renan Calheiros foi informado de que o próximo assunto da pauta do STF é a denúncia contra ele por recebimento de propina da Mendes Júnior, em 2007.

Ele vai se tornar réu.

Para evitar o constrangimento de ser afastado do comando do Senado, ele pediu ajuda a Michel Temer para adiar a sessão de 3 de novembro, quando o STF deve decidir que réus não podem ocupar a presidência de uma das Casas.

Michel Temer não foi capaz de ajudá-lo. Alexandre de Moraes também não.

Foi por esse motivo que Renan Calheiros pediu a degola do ministro. Para evitar a sua degola.