A degradação da linguagem

Prezados Leitores,

O Antagonista é feito apenas por dois jornalistas. Não temos tempo para moderar adequadamente os comentários, e está difícil cumprir a proposta original de destacar os melhores na nossa home. Pedimos, portanto, a gentileza de evitarem palavrões. Palavrões só têm graça nas colunas do personagem Agamenon, como recurso caricatural. Quem desabafa com palavrão iguala-se a Lula, prova inconteste de que a degradação de um país começa com a degradação da linguagem.

Muito obrigado.