A disputa já começou

Eduardo Cunha, segundo a Folha de S. Paulo, disse que seu afastamento é “absurdo”.

E acrescentou:

“Uma liminar seis meses depois?”

Seus aliados já estão se preparando para tomar seu lugar na presidência da Câmara.

A Folha de S. Paulo disse que ninguém quer Waldir Maranhão no cargo.

“Um especialista em regimento da Casa entende que uma nova eleição só se daria por meio de uma eventual renúncia do peemedebista; outros afirmam que um acordo com os partidos representados na Câmara viabilizaria um mandato-tampão.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 8 comentários
  1. O Temer tbm tem de ficar calado. Foi só falar q iria aumentar o vlr do bolsa família e a megera já tomou p/si o ato. Tudo isso devemos à ação deletéria e absurda do STF q, a cada decisão, faz questão de mostrar mais e mais o qto é incompetente, acovardado e aparelhado. A Súcia Totalitária Falaciosa é inimiga do Brasil.

  2. Cada figurinha que estão dizendo que vai ser ministro… O da última hora é um “bispo” da Igreja Universal cotado para o Ministério de Ciências e Tecnologia. Se continuar assim vou ter que concordar com a turma do nem Dilma nem Temer.

  3. É preciso um ministérios de pessoas não apenas honestas, mas que também pareçam honestas. Colocar pessoas citadas na Lavajato é mau sinal. Se Temer não entende isso, então…

  4. É importante o silêncio e discrição nessa fase, até para que os petistas, ávidos por encrencas e provocações, não se aproveitem para tumultuar o processo do impeachment.