A estratégia furada da defesa de Dirceu

O Globo ouviu o advogado Odel Antun, um dos defensores de José Dirceu, sobre a estratégia de defesa. Ele antecipou que tentará convencer Sérgio Moro de que Dirceu não indicou Renato Duque para a Diretoria de Serviços da Petrobras.

A ideia é jogar a “culpa” no diretório do PT de São Paulo, diluindo assim a responsabilidade do ex-ministro no esquema.

Para isso, recorrerá ao depoimento de Fernando Moura, lobista ligado a Dirceu que virou delator. Moura disse que o ex-ministro só foi chamado na reunião que decidiu a indicação, para fazer um desempate entre Duque e Irani Varella.

“Toda a denúncia é fundada na informação de que Dirceu indicou Duque para o cargo e que isso permitiu que fosse feito o gerenciamento de propina”, alega Antun.

Ele deve achar que Moro é idiota.

Faça o primeiro comentário