A falsidade ideológica de Dilma

Nilson Leitão ressaltou que Dilma Rousseff cometeu crime contra o patrimônio, além de falsidade ideológica e falsificação de documento público.

Ao fraudar o balanço das contas oficiais, o governo do PT falsificou a realidade patrimonial do País, permitindo que a União emitisse títulos públicos sem lastro.

“O que ela fez compromete toda a sustentabilidade econômica.”

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 2 comentários

Os comentários para essa notícia foram encerrados.