A festa da fruta

A festa da fruta
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A festa da vitória de Arthur Lira, que reuniu cerca de 300 pessoas em plena epidemia, “ocorreu em uma luxuosa casa do empresário catarinense Marcelo Perboni”, diz o Estadão.

“Produtor e comerciante de frutas, ele é acusado pelo Ministério Público de se apropriar indevidamente de 3,8 milhões de reais”.

Em nota, a defesa de Perboni diz que “a ação penal ainda está em seu início, e ao longo da instrução processual ficará demonstrado a inexistência de qualquer débito tributário ou de conduta irregular, sendo a acusação absolutamente descabida”.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que tem coragem de fiscalizar TODOS os poderes
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO