A filosofia do produtivismo

Mangabeira Unger, chamado de filósofo pela Folha de S. Paulo, defendeu a candidatura de Ciro Gomes:

“Ciro jamais será instrumento do PT. É agente de um projeto transformador que as forças comprometidas com um produtivismo inclusivo têm a responsabilidade histórica de apoiar.”

Ele defendeu também o criminoso Lula:

“A condenação me parece injusta, baseada em um conjunto frágil de provas indiciárias. A elite jurídica não pode assumir a condução do país. Ela tem um papel que é desestabilizar os acertos oligárquicos e abrir espaço para a energia cívica.”

Comentários

  • POR -

    O Mangabeira Unger é daquelas pessoas tão inteligentes que, aos olhos de pessoas com inteligência normal ou abaixo da média, parecem malucas mesmo! Só que o cara é muitíssimo inteligente, foi um dos professores mais jovens de Harvard e escreveu vários livros sobre filosofia, metafísica, economia, política, etc. Quando dá uma palestra parece até que está lendo um livro, tem tudo na cabeça e não precisa de anotações (assim como Ciro). Parece que ele encontrou em Ciro um pupilo com inteligência e capacidade para implantar seu projeto de desenvolvimento. Não é um projeto comunista; mas um projeto ambicioso para, finalmente, tornar o Brasil um país desenvolvido; aos moldes do que ocorreu nos Estados Unidos da América; unindo o Estado, a Universidade e a Indústria p/ alavancar o progresso.

  • Flávio -

    O vice do Alckmin tem que ser do Nordeste do DEM ou PMDB. Gostaria do Mendonça Filho (DEM) de Pernambuco e que foi ministro da Educação. Além disso, teria que convencer vários candidatos do PMDB do Nordeste de que devem vender o nome do Alckmin e não do Ciro/Haddad/PT.

  • Flávio -

    Mangabeira Unger é um antigo professor de Harvard que parou no tempo, anos 70, tal qual Delfim Netto. Eles deveriam falar apenas para sindicalistas e esquerdopatas. A imprensa séria não deveria entrevistar os dois. O Ciro é um Collor sem família rica e sem dinheiro e se eleito fará uma mistura dos governos Collor e Dilma, ou seja, um desastre com roubalheiras e impeachment no final. A minha preocupação é que aumenta a chance do Ciro ir para o segundo turno se ainda tiver Haddad de vice (chance grande) e todo PT apoiando (chance zero) pode ser eleito. Eu torço para o centro PMDB, DEM, PP, PR e outros se acertarem com o Alckmin e se unirem para chegar no 2o. turno. Agora, Meirelles de vice não porque ele não tem voto nem entre os ex funcionários e correntistas do BankBoston.

Ler 82 comentários