Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"A gente não vai tirar proveito de uma possível guerra", diz Bolsonaro

Em entrevista a Datena, Jair Bolsonaro comentou a escalada de tensão entre EUA e Irã após o ataque que matou o general Qassem Soleimani. O presidente se disse “favorável a qualquer medida que combata o terrorismo”, mas a linha do Brasil “é pacífica”.

“A nossa linha é pacífica porque, afinal de contas, não temos forças armadas nucleares para poder dar opinião tranquilamente sem sofrer retaliações”, disse.

Para Bolsonaro, é preciso “tomar cuidado com as palavras”.

“Nós queremos paz, mas uma velha máxima no meio militar diz que quem quer paz tem que se preparar para a guerra. Não adianta ter um monte de diplomata do Itamaraty bom de saliva, se quando acaba a saliva entra a pólvora. E o Brasil, para se inserir nesse mundo de falar mais em igualdade com outros países, tem que evoluir ainda. A gente não vai tirar proveito de uma possível guerra.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO