A imprensa é igual a José Yunes

A imprensa petista está perdida.

Marcelo Odebrecht, como antecipamos ontem à tarde, livrou a cara de Michel Temer.

Para derrubá-lo, é necessário reconhecer que Dilma Rousseff se elegeu com dinheiro roubado da Petrobras e que, por esse motivo, o mandato de seu companheiro de chapa, Michel Temer, é ilegítimo.

Mas a imprensa petista nunca poderá reconhecer que Dilma Rousseff se elegeu com dinheiro roubado da Petrobras, porque ela teria de reconhecer também que Lula é o comandante máximo da ORCRIM.

A imprensa petista vai seguir o caminho de José Yunes: incriminar Eliseu Padilha e blindar Michel Temer.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200