A impunidade é uma certeza

A impunidade é uma certeza
Reprodução/Christiane Amanpour/Twiter

Para anular as penas de Lula, o STF arrancou seus processos de Curitiba.

Mas o golpe poderia ter sido o contrário.

Diz Carlos Alberto Sardenberg:

“Digamos que o processo de Lula tivesse começado na Justiça Federal de Brasília, como entendem alguns ministros. A defesa do ex-presidente poderia entrar com HC no Superior Tribunal de Justiça alegando que a competência não estava em Brasília. O STJ poderia, então, mandar o processo para… Curitiba.

E por que dizemos isso? Porque o STJ entendeu, há anos, que a 13ª Vara era a competente para os casos de Lula. Ou seja, se tivesse começado em Brasília, o STJ teria argumentos para anular tudo e mandar para a capital do Paraná. E o STF poderia mandar tudo de novo para Brasília.”

A única certeza é que uma pessoa poderosa como Lula, apesar de todas as provas contra ele, sempre poderá contar com os tribunais superiores para receber suborno sem ser devidamente punido.

Leia mais: Pois é, nada mudou da esquerda para a direita.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO