A íntegra do parecer da PGR contra o uso das mensagens roubadas

“A eventual utilização da prova ilícita não beneficiaria o réu de nenhuma forma, pois não provaria sua inocência tampouco provocaria uma nulidade capaz de lhe devolver a liberdade”, afirmou a PGR ao contestar o uso das mensagens roubadas em favor de Lula.

Leia AQUI a íntegra da manifestação enviada ao STF.

Comentários

  • Joe -

    Sem contar que ao dar o direito a uma parte para usar de material suspeito , terá que dar a outra também.

  • ana -

    Mensagem "roubadas" são produtos de crime. Vão querer legalizar o crime? Vão mudar o Código Penal também? Ou vão violentá-lo como foi feito no impeachment?

  • lojo -

    opa, aí sim, hein? parabéns ao Aras por esta, é preciso lembrar isso aos sa fa dos do STF para eles nem tentarem se aventurar a entrar nessa tramoia ....

Ler 12 comentários