“A intenção de Guedes parece ser a de criar uma CPMF mesmo”

Para Josué Pellegrini, diretor da Instituição Fiscal Independente do Senado, o tal “imposto digital” pretendido por Paulo Guedes não tem “nada a ver” com a tributação dos gigantes da internet.

Ele disse à Folha:

“A CPMF não tem nada ver com o comércio eletrônico, nem com a tributação de big techs. Guedes aproveitou que esse assunto está atual, com o aumento do consumo eletrônico com a pandemia, e juntou as coisas”, afirmou.

“Mas a intenção dele parece ser a de criar uma CPMF mesmo, porque a tributação do comércio eletrônico não traria arrecadação significativa.”

Leia mais: A 'proposta milionária' para votar com o governo.
Mais notícias
TOPO