"A milícia está agindo no seio da República?"

“A milícia está agindo no seio da República?”
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

Roberto Freire, presidente nacional do Cidadania, reagiu às informações de os advogados de Flávio Bolsonaro acionaram o GSI sobre “suspeitas de irregularidades” na atuação da Receita Federal em relação a seu cliente.

“Em vez de se provar inocente, Flávio Bolsonaro quer anular investigação que o aponta como líder de uma quadrilha operada por Fabrício Queiroz. Pra isso, o pai fez de Abin, Serpro, Receita e GSI assistentes da defesa do filho, diz Época. A milícia está agindo no seio da República?”

Reportagem da revista Época desta manhã disse que os advogados de Flávio disseram ao GSI que auditores fiscais da Receita haviam montado uma “organização criminosa” dentro do órgão para levantar informações que seriam usadas depois em relatórios do Coaf – fundamentais nas acusações que pesam contra Flávio no caso da rachadinha em seu antigo gabinete na Assembleia Legislativa do Rio.

Leia aqui o que disseram os advogados de Flávio.

Leia mais: Rachadinha Queiroz-Flávio Bolsonaro: confira os documentos inéditos
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 77 comentários
TOPO