A operação 'Segura Bolsonaro'

A operação Segura Bolsonaro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Está em curso no Palácio do Planalto desde ontem uma operação para evitar que o presidente Jair Bolsonaro ataque os governadores e as medidas restritivas nos estados em decorrência da pandemia, segundo o Globo.

O jornal afirma que o presidente está ‘muito irritado’ com os chefes dos executivos estaduais.

Os ministros militares têm tentado acalmar Bolsonaro, comandados pelo almirante Flávio Rocha, da SAE.

Eles sugerem que o presidente aborde em suas falas o esforço pela recuperação econômica e deixe os ataques na geladeira.

Mais cedo, em frente ao Palácio da Alvorada, Bolsonaro comentou a reunião entre os governadores e o presidente da Câmara Arthur Lira.

O presidente questionou um apoiador sobre o que os governadores queriam. O apoiador respondeu: “dinheiro”.

Bolsonaro não rebateu.

 

 

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO