Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A opinião de um ex-diretor do Banco Central sobre a influência de André Esteves

Vazamento de áudio de uma reunião do banqueiro com investidores mostra a influência dele no Congresso, no Supremo e até na autoridade monetária
A opinião de um ex-diretor do Banco Central sobre a influência de André Esteves
Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

Um ex-diretor do Banco Central comentou com O Antagonista a gravação em que André Esteves (foto) mostra sua influência em Brasília (escute aqui).

“Em determinadas circunstâncias, a autoridade pode e até, diria, deve conversar com operadores do mercado controversos, ou menos ortodoxos. Eu já fiz isso. Mas, é preciso muita cautela para que não haja vazamentos, que sempre transmitem uma mensagem dúbia.”

Ele acrescentou:

“Não se trata de pedir aconselhamento, mas de obter informações que sempre serão checadas. Quando fui diretor, havia um importante ‘operador do mercado financeiro’ que não chegava a ser propriamente controverso. Ele era útil da seguinte forma: se criticava nossas condutas, a interpretação era a de que estávamos no caminho certo; se elogiava, era sinal de alerta.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO