A padaria de Temer

A internet está cheia de sites clandestinos que veiculam propaganda mentirosa de Michel Temer.

Os mais ativos, como Imprensa Viva e Manchette, foram registrados na sobreloja de uma padaria de Teófilo Otoni, em Minas Gerais.

O “desenvolvedor” dos sites, que tem o mesmo sobrenome de uma das sócias da padaria, cuidou também da campanha eleitoral do candidato do PT para a prefeitura da cidade.

A internet tem de ser livre. Para isso, porém, é preciso impedir que os marqueteiros dos investigados na Lava Jato se apropriem das notícias.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200