Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A pegadinha do casamento gay na CCJ do Senado

André Mendonça treinou, com bancada evangélica, resposta sobre direito constitucional do casamento de pessoas do mesmo sexo
A pegadinha do casamento gay na CCJ do Senado
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Durante a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça, o senador Fabiano Contarato (Rede-ES), perguntou, de forma enfática, se o ex-ministro da AGU André Mendonça seria a favor do casamento civil de pessoas do mesmo sexo.

Mendonça respondeu:

“Eu defenderei o direito constitucional do casamento civil das pessoas do mesmo sexo. Se houver uma discussão no Supremo sobre esse assunto, os senadores podem ter certeza de que respeitarei os mesmos direitos civis”, afirmou o “terrivelmente evangélico”.

Aparentemente, como diria aquela música popular, “não era amor, era cilada”.

O deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) afirmou a O Antagonista que a resposta foi milimetricamente treinada. Na visão do parlamentar, o “terrivelmente evangélico” não caiu em contradição já que esse direito ainda não é garantido na Constituição.

“Tecnicamente a resposta dele está impecável. Não existe esse direito constitucional. A resposta dele é tecnicamente perfeita. Eu vou na letra do que ele respondeu e vou na Constituição. Se a Constituição não garante isso, isso [casamento gay] não existe. Ele foi muito bem treinado para uma pergunta difícil como essa”, afirmou o parlamentar.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....