ACESSE

A persistência dos grampos ilegais do governo de Renanzinho

Telegram

Em 2017, o MPF já havia recomendado à Secretaria de Segurança Pública de Alagoas que interrompesse os grampos ilegais. A equipe de Renan Filho ignorou e os alagoanos reelegeram o governador no ano seguinte.

Outubro: o desmonte do Brasil que a Lava Jato tentou construir? Saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 16 comentários