Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A pílula bolsonarista

A pílula bolsonarista
Brasilia DF, 10/04/2020 Foto: Adriano Machado/CRUSOE Presidente Jair Bolsonaro e visto no Sudoeste

“Jair Bolsonaro tem sido um Messias fiel na luta contra a ciência”, diz José Nêumanne.

“Em março de 2016, enquanto o País debatia o impeachment de Dilma Rousseff, ele liderou o grupo de parlamentares – do qual faziam parte seu filho Eduardo e os petistas Arlindo Chinaglia, médico e líder sindical, e Adelmo Carneiro Leão, professor – em defesa da ‘pílula do câncer’. Esse foi o caso mais bem-sucedido de picaretagem de charlatão em prol da fosfoetanolamina, mezinha inventada pelo professor aposentado da USP Gilberto Chience (que não se perca pelo sobrenome).

Em clima emocional e com celeridade inusitada, contrariando evidências científicas e assumindo o risco de levarem doentes terminais a abandonarem a quimioterapia e a radioterapia, a lei foi aprovada e sancionada por Dilma pouco antes de ser deposta. O STF ouviu os especialistas e proibiu a venda da droga. Mas o presidente ainda prega sua liberação, contra a qual o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, lutou na Câmara dos Deputados.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO