A população está certa

A Veja São Paulo repete a baboseira de que os black blocs não fazem parte do Movimento Passe Livre. Equivale a dizer que um goleiro, por ter um uniforme diferente, seria um infiltrado no time porque usaas mãos para jogar.

A revista ainda ouviu uma pesquisadora da Unifesp, que constatou: “A população tem dificuldade em diferenciar MPL de black bloc, e não vem aderindo.”

A população tem dificuldade em diferenciar porque não há o que diferenciar.