A proposta do ministro da Saúde do PT contra o novo coronavírus

O deputado Alexandre Padilha (PT-SP), ministro da Saúde no governo Dilma, sacou da cartola uma ideia simples para combater o novo coronavírus: tornar passível de impeachment o presidente que contrariar orientações das autoridades sanitárias numa pandemia.

Obviamente, um projeto casuístico para tentar cassar Jair Bolsonaro.

Mas o petista vai além: quer obrigar as autoridades brasileiras a opinarem sempre de acordo com a Organização Mundial de Saúde.

Leia também: Mario Sabino: 'O efeito estranho do coronavírus.'

Não pára por aí, pois o cidadão comum também não fica de fora. Pode pegar prisão de um a cinco anos, e multa, se propagar direta ou indiretamente uma doença contagiosa.

Quem divulgar informações contrárias “ao consenso científico e às autoridades sanitárias” também vai em cana.

Comentários

  • Paulo -

    Publica o manifesto do Marcola vai!

  • Paulo -

    Vocês estão brincando que publicam isso né!

  • Marujo -

    disfarçar o real objetivo.

Ler 170 comentários