​A retrospectiva da Lava Jato

A retrospectiva de 2016 que, de fato, interessa é a que o Ministério Público Federal no Paraná divulgou hoje:

“Em quase três anos de investigação intensa, o ano de 2016 termina como sendo o mais produtivo da força-tarefa da Lava Jato em sua atuação na apuração dos crimes cometidos por inúmeros investigados que fizeram parte do megaesquema de desvio de recursos públicos da Petrobras e de outros órgãos da administração federal.”

Vejam, por favor, os principais destaques da Lava Jato no ano:

– 17 operações deflagradas;

– 20 denúncias oferecidas contra acusados por crimes como corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa;

– A prisão de Sérgio Cabral, resultado da primeira ação coordenada entre as forças-tarefas das procuradorias da República no Paraná e no Rio de Janeiro;

– R$ 204.281.741,92 devolvidos aos cofres da Petrobras, “a maior devolução de recursos já feita pela justiça criminal brasileira para uma vítima”.