"A situação é de extrema urgência", diz senador amazonense

No fim de semana, criminosos do Comando Vermelho incendiaram, pelo menos, 14 ônibus, dois carros da polícia e uma ambulância na capital do estado
“A situação é de extrema urgência”, diz senador amazonense
Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

O senador Plínio Valério, do PSDB do Amazonas, foi ao Twitter dizer que a situação no estado, após o terror provocado pelo crime organizado no fim de semana, “é de extrema urgência”.

Como noticiamos, o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), pediu o apoio da Força Nacional.

“A situação é de extrema urgência. Reforço ao senhor ministro da Justiça, Anderson Torres, o pedido de ajuda oficiado pelo governador. As instituições do bem precisam agir para conter o avanço de facções que vem levando o terror aos cidadãos de Manaus e do interior.”

Na madrugada de ontem, como noticiamos, em reação ao assassinato de um chefe do tráfico pela Polícia Militar, integrantes do Comando Vermelho incendiaram, pelo menos, 14 ônibus, dois carros da polícia e uma ambulância em Manaus.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.
Mais notícias
TOPO