A última de Pazuello, o especialista em logística

A última de Pazuello, o especialista em logística
Foto: Caio de Biasi/Especial para o MS

Na expectativa de receber do Ministério da Saúde nesta quarta-feira (24) 78 mil doses de vacinas contra a Covid-19, o governo do Amazonas viu chegarem apenas 2.000, relata o Painel da Folha.

Desde o começo de 2021, o estado vive séria crise na pandemia de Covid-19, com UTIs lotadas e falta de oxigênio para os pacientes.

A planilha da pasta de Eduardo Pazuello mostra que 78 mil doses teriam sido enviadas para o Amapá, que contava com a chegada de 2.000 —por isso. os secretários de Saúde acreditam ter havido engano entre os estados.

“Houve alguma confusão”, disse o governador do Amazonas, Wilson Lima. “Estamos ligando para o Ministério da Saúde. Acho que agora o risco de faltar [vacinas] vai ser menor. Até o fim de semana a gente deve ter outro lote.”

Isso porque o general Pazuello é, segundo Jair Bolsonaro, “especialista em logística”. Imagine se não fosse.

Leia mais: A causa desse desgoverno é política, como mostra a Crusoé desta semana.
Mais notícias
TOPO