A UNE lamenta

Dois alunos começaram a brigar “após o consumo de drogas sintéticas”, segundo a polícia, e um matou o outro com facadas no pescoço e no tórax. A vítima tinha 16 anos.

Foi esse o trágico enredo da morte de ontem em uma escola ocupada por arruaceiros em Curitiba.

A UNE disse que lamenta.

Faça o primeiro comentário