A Veja adere ao “neoliberalismo” e à “luta de classes”

O editorial da Veja, ao falar da “força da direita” demonstrada na eleição municipal, faz um retrospecto histórico de direita e esquerda e afirma que “Ludwig von Mises é o pai da escola austríaca de economistas neoclássicos e deu aulas a Friedrich von Hayek, o guru do neoliberalismo. Karl Marx é o mais importante teórico do comunismo e da luta de classes”.

Também diz que, se tivessem vivido no mesmo século, ambos “só debateriam, sem despertar o demônio (ideológico).”

A Veja agora chama capitalismo de “neoliberalismo”, acredita em “luta de classes” e descreve Marx — que lamentou o fato de Guilherme I ter escapado de um atentado em Berlim e acabaria por apoiar a Comuna de Paris — como um intelectual pacífico.