A xepa de Lula

O Estadão “ouviu advogados, investigadores e autoridades do mundo jurídico que avaliaram a estratégia de confronto dos defensores de Lula, que buscam tumultuar o processo”.

Resultado?

“Eles lembraram que a estratégia de confronto jurídico e político com o juiz Sérgio Moro foi adotada pela defesa do Grupo Odebrecht, em 2015”.

A PF está chegando, Lula. Assim como chegou na Odebrecht.

Faça o primeiro comentário