Acordo pode chegar a US$ 4,5 bi

Além dos US$ 3,5 bilhões acertados com EUA, Brasil e Suíça, o acordo de leniência prevê o pagamento de mais US$ 957 milhões – elevando o valor total da indenização da Odebrecht e da Braskem a US$ 4,65 bilhões.

Como o grupo de Emílio Odebrecht alegou incapacidade financeira para honrar com esse valor adicional, o Ministério Público fará uma análise mais aprofundada das contas da empresa.

Que tal não pagar bônus aos executivos?