“Acordos não têm prazo”

Joaquim Passarinho sobre o “sumiço” de Onyx Lorenzoni: “Acordos não têm prazo para serem feitos.”

Segundo ele, a essência das Dez Medidas será mantida e não será necessário apreciar relatórios em separado.

Faça o primeiro comentário