Acusado de desvio vai gerir hospital de campanha de Brasília

Para gerir um hospital de campanha montado em Brasília, o governo do Distrito Federal vai pagar R$ 79,4 milhões a uma empresa cujo dono foi acusado de desviar R$ 1,3 milhão do sistema de saúde do Amazonas…