ACESSE

Adiamento das eleições: veja como orientaram Republicanos, PSL e governo no Senado

Telegram

Em votação no Senado, Mecias de Jesus, líder do Republicanos, liberou a bancada na votação da PEC do adiamento das eleições municipais para novembro.

“Não creio que esse adiamento será suficiente para suprir este momento difícil [da pandemia]. Vou votar ‘sim’ porque vejo que o trabalho do Weverton Rocha [relator da matéria] foi brilhante.”

Em nome do PSL, a senadora Soraya Thronicke orientou voto “sim”, porque, no entender dela, o adiamento “é necessário”.

Como líder do governo, Fernando Bezerra Coelho (MDB) liberou a bancada, mas disse que votará “não” à proposta de adiamento para novembro.

Leia mais: 'Honra e fuzis': a estreia de Sergio Moro. Clique e saiba mais

Comentários

  • Carlos -

    Se liberaram shopping e comércio, porque alterar a eleição?

Ler comentários